Conteúdo Gerado pelo Colaborador: o que é e como impacta o Employer Branding?

O que é EGC, Employee Generated Content ou Conteúdo Gerado Pelo Colaborador?

Nós já estamos familiarizados com o UGC (User-Genereted Content, ou Conteúdo Gerado Pelo Usuário, em português), que é qualquer tipo de mídia (comentários, posts, fotos ou vídeos) que o usuário produz espontaneamente para uma marca em suas plataformas.

O UGC serve para estabelecer um diálogo mais próximo e contínuo entre consumidores e marcas no mundo digital. Se você já fez compras online, provavelmente, deve ter ido até os comentários para checar o que outros consumidores dizem sobre o produto ou serviço para, só então, tomar a decisão da compra.

O mesmo vale quando falamos de empresas para as quais vamos trabalhar. Pensando nisso, é que o EGC entra em cena. Lembre-se sempre que conteúdo criado de forma autêntica ajuda a construir uma relação de confiança com seu público e futuros colaboradores.

Criar um senso de comunidade entre os funcionários e a empresa agrega muito valor ao negócio e faz com que seu nome seja reconhecido positivamente quando o tema é Marca Empregadora.

Empresas em todos os lugares do mundo começaram a se popularizar, criando hashtags e campanhas para transmitir como é o ambiente de trabalho para os colaboradores, atraindo clientes e funcionários em potencial nesse processo.

Vale destacar que o EGC pode ter um impacto gigantesco na melhoria da cultura da sua empresa e no sucesso de recrutamentos dos melhores talentos ao procurar novos colaboradores.

Neste artigo, você vai aprender qual é a importância do EGC, entender como esse conteúdo impacta o Employer Branding, ver alguns exemplos incríveis, e saber como começar a utilizar essa estratégia na sua empresa. 

Por que usar conteúdo gerado pelo colaborador?

As pessoas acreditam e confiam nas experiências de outras pessoas. É uma espécie de marketing boca a boca e gera inúmeros benefícios para sua marca.

A equipe de recrutamento da sua organização trabalha muito para encontrar e contratar os melhores talentos. Cada colaborador possui uma perspectiva única sobre o negócio, quer seja conhecimento especializado sobre o seu produto, serviço, mercado ou clientes, cada funcionário tem informações valiosas para compartilhar.

Aproveitar esse conhecimento disponível e em constante crescimento que a sua marca cultiva pode fazer crescer lideranças inovadoras e melhorar a percepção do seu negócio. 

O conteúdo gerado pelo colaborador confere um rosto confiável à sua marca. Aproveite isso!

Employer Branding e Conteúdo Criado pelo Colaborador

Encontrar e recrutar os melhores talentos para o seu negócio pode ser extremamente desafiador e é completamente normal que os candidatos queiram saber como é trabalhar para você. 

Claro, eles sabem o salário e os benefícios, mas não conhecem o ambiente de trabalho. Todos nós já estivemos em situações onde o salário e os benefícios eram bons, mas o ambiente e dia-a-dia de uma empresa passava bem longe de estar à altura.

Utilizar uma estratégia de Employer Branding que inclua EGC pode mostrar como realmente é a cultura da sua marca. As pessoas que passaram pela sua empresa tem um grande poder de influenciar os futuros colaboradores, então use este poder a seu favor, saiba ouvir feedbacks e esteja aberto à mudanças de convívio se necessário. 

Essas práticas cultivam a transparência, autenticidade e engrandecem a imagem da sua empresa como Marca Empregadora. 

Exemplos Incríveis de Conteúdo Gerado Pelos Colaboradores

EGCs estão sempre ao seu alcance, basta um pouco de criatividade e estratégia. 

O Grupo Boticário, por exemplo, possui um blog inteirinho destinado aos colaboradores e futuros colaboradores, chamado “eufaçobonito”. A plataforma tem conteúdos preciosos para quem está em busca de um emprego na companhia e para quem já está empregado. 

As postagens variam desde “como é iniciar a carreira na GB”, passando por depoimentos dos funcionários até a disponibilização de todas as vagas disponíveis na empresa. A estratégia que eles utilizam deixa as informações acessíveis para toda a comunidade em torno da marca.

Conteúdo Gerado pelo Colaborador: o que é e como impacta o Employer Branding?

(Grupo Boticário/Reprodução)

Outro exemplo interessante, é uma campanha da Rock Content para o dia das mães onde vários funcionários trouxeram suas mães para conhecer o seu trabalho na empresa e esclarecer para elas quais eram suas funções para além de “mexer na internet”. Dá uma olhada:

O Starbucks é bom exemplo também. A empresa abraça completamente o conteúdo gerado pelos funcionários como parte do storytelling. Em seu livro, “Em Frente Como a Starbucks lutou por sua vida sem perder a alma”, Howard Schultz, CEO da companhia, contou que “os funcionários são verdadeiros embaixadores da nossa marca, os verdadeiros comerciantes do nosso romance e do teatro e, como tal, são os principais catalisadores para encantar os clientes”.

A empresa defende que seus funcionários são parceiros e os encoraja a criar conteúdo ativamente. Para isso, possui uma conta no Instagram dedicada exclusivamente aos seus colaboradores e suas experiências.

Conteúdo Gerado pelo Colaborador: o que é e como impacta o Employer Branding?

(Instagram/Starbuckspartners/reprodução)

A Sankhya é outra empresa que, utilizando uma estratégia de Employee Advocacy, dispõe de seus funcionários para criar campanhas que impulsionam o branding da marca. 

Conteúdo Gerado pelo Colaborador: o que é e como impacta o Employer Branding?

(Sankhya/Reprodução)

No site e utilizando a hashtag “vemsersankhya” nas redes sociais, a empresa divulga depoimentos de seus colaboradores mais satisfeitos. A última convenção da empresa também rendeu conteúdo gerado pelo colaborador que foi compilado e divulgado em vídeo. Dá uma olhada:

  • Quer saber como a Sankhya transformou seus colaboradores em seu principal canal de Distribuição de Conteúdo? Acesse o case de sucesso!

O Ebanx é uma empresa curitibana que acredita em uma cultura organizacional forte que parte da relação que os colaboradores desenvolve com a companhia e o ambiente de trabalho. Eles incentivam os colaboradores a compartilhar suas fotos utilizando a hashtag “ebanxlife” que já conta com mais de 6 mil postagens.

Conteúdo Gerado pelo Colaborador: o que é e como impacta o Employer Branding?

(Instagram/Reprodução)

Como começar a utilizar essa estratégia

Utiizar EGC em sua estratégia de Employer Branding significa dar voz aos seus colaboradores e para isso separamos 3 dicas:

1 – Crie e incentive o uso de hashtags pelos funcionários quando eles realizarem postagens sobre a sua empresa nas redes sociais. Além de fortalecer o senso de pertencimento, isso irá ajudar você a rastrear e mensurar alcance, comentários e críticas.

2 – Mostre quem são seus colaboradores. Apresente sua equipe no blog da empresa ou mesmo nas redes sociais. Pode ser em uma seção intitulada “nosso time” ou algo parecido. Dar rostos para a sua empresa ajuda a humanizar as relações que você constrói e despertar empatia em clientes e futuros funcionários.

3 – Valorize seus colaboradores. Já falamos aqui algumas vezes, mas é realmente importante ouvir e reconhecer o trabalho das pessoas que constroem sua empresa junto com você. Quando eles se sentirem valorizados serão como os defensores da sua marca e irão espontaneamente ajudá-la a crescer.

4 – Crie e desenvolva um programa de Employee Advocacy. Aproveitar os colaboradores dentro de uma estratégia de Marketing de Defensores pode ser uma boa ferramenta para dar o boom que seus projetos precisam.


O tipo de conteúdo que você irá escolher para sua estratégia não precisa se limitar. Solicite fotos, comentários, avaliações, vídeos… Dê asas à imaginação! Só não perca de vista os seus objetivos, que podem estar relacionados às estratégias de Marketing e ao Employer Branding.

Para finalizar, separamos alguns motivos para investir no conteúdo gerado pelo colaborador baseados em uma pesquisa realizada pela CoSchedule:

  • 84% dos entrevistados afirmaram compartilhar conteúdo para apoiar iniciativas das marcas que eles acreditam;
  • 49% das pessoas disseram compartilhar conteúdo para informar, influenciar ou inspirar ações em relação aos produtos que elas gostam;
  • 78% das pessoas revelaram que compartilham informações na internet porque isso as mantém conectadas com outras pessoas;
  • 69% compartilham informações porque isso permite que elas interajam com o mundo e o meio no qual estão inseridas.

Saiba como transformar colaboradores em seus influenciadores de marca com o nosso webinar em parceria com a Sankhya:

employee advocacy