GUIA: Entenda o que é Endomarketing e como colocar em prática no seu negócio!

“Endomarketing é o conjunto de ações e estratégias de marketing destinadas a melhorar o relacionamento interno e garantir o bem-estar dos colaboradores da empresa, a fim de envolvê-los no negócio para gerar mais motivação, melhorar a produtividade e, como resultado final, conquistar mais clientes satisfeitos.”

É para isso que existe o Endomarketing. Contar com colaboradores engajados e bem informados, é um dos maiores diferenciais que qualquer empresa pode ter.

Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe nosso artigo!

Sumário de conteúdos

O que é Endomarketing?

O Endomarketing consiste em vender uma ideia para o cliente interno, ou seja, o funcionário da empresa.

Sua tarefa principal é atrair novos talentos e reter os colaboradores, com o objetivo de transformá-los em agentes embaixadores da marca.

Os colaboradores mais engajados também vão ajudar a organização a divulgar sua cultura interna.

As ações de endomarketing são tão importantes quanto o plano de comunicação interna dentro das empresas.

Esses dois conceitos se confundem muito, por isso, vamos esclarecer cada um deles.

Qual a diferença entre Endomarketing e Comunicação Interna?

O conceito de Endomarketing traz como finalidade melhorar a motivação dos colaboradores, já a comunicação interna, é um elo entre os setores da organização.

Os dois estão interligados, já que um complementa o outro.

Sem uma comunicação eficiente entre os setores, é provável que os colaboradores não fiquem bem informados e acabem passando dados incorretos ou incompletos para outros setores ou até mesmo para clientes, o que acabará gerando confusões internas ou insatisfação do consumidor, causando assim a desmotivação dos colaboradores.

Por isso, é importante alinhar a estratégia de comunicação interna e de endomarketing para que tudo aconteça conforme o planejado.

O endomarketing também pode contribuir muito para as estratégias do departamento de RH, já que ele se destina unicamente ao público interno das organizações.

A área de Recursos Humanos da empresa fornece elementos para a composição de políticas e planos de endomarketing, a partir da análise detalhada da formação, comportamento e nível de comprometimento das pessoas que compõem seus públicos internos.

As ações planejadas são focadas no bem-estar dos colaboradores, o que, consequentemente, melhora a produção e a capacidade intelectual das equipes.

São ações com a finalidade de promover a interação do funcionário com a empresa, criando métodos motivacionais, eventos e treinamentos para valorizar o colaborador.

Vale lembrar que nada disso funcionará se o intuito de motivá-lo não for real. Lembre-se que o poder de persuasão só funciona se o objetivo for genuíno.

Isso porque as pessoas sabem quando estão sendo manipuladas e quando recebem uma oportunidade idônea.

Os Benefícios do Endomarketing nas empresas

Uma estratégia bem-sucedida de endomarketing aumenta o grau de compromisso e lealdade dos colaboradores com a empresa.

Ouvir o que eles têm a dizer e entender suas necessidades, pode ser o primeiro passo para criar uma estratégia de sucesso que trará muitos benefícios para a empresa como um todo.

1 – Colaboradores engajados e motivados

Dentre os benefícios almejados está a motivação dos funcionários, lembrando que uma equipe engajada será mais colaborativa, trará mais ideias de melhorias e será mais consciente sobre os desafios diários da empresa.

Os colaboradores ficam mais motivados ao perceberem que fazem parte de uma organização que preza pela qualidade de trabalho e bem-estar deles.

2 – Melhora do clima organizacional

O endomarketing proporciona um clima organizacional saudável em que os trabalhadores se sentem à vontade, confortáveis e mais satisfeitos.

Com ações relevantes de Endomarketing, os colaboradores sentem-se valorizados por sua empresa e, além de contribuir com um ambiente saudável, serão fiéis a sua marca.

3 – Menor rotatividade de colaboradores

A rotatividade, também conhecida como turnover, tende a diminuir devido ao aumento da satisfação e compromisso que os funcionários têm com a organização. Quando eles confiam na empresa, a consequência é tornarem-se mais fiéis a ela.

As ações de endomarketing, também ajudam a melhorar a saúde mental dos colaboradores e sua qualidade de vida, diminuindo assim as faltas e licenças por doenças.

4 – Aumento de produtividade

Por fim, ainda é possível observar um aumento da produtividade dos profissionais que realizam o seu trabalho de forma mais eficiente, resultando em uma consistente redução de custos e no aumento de lucros.

Exemplos de ações de Endomarketing

As grandes empresas estão cada vez mais preocupadas e comprometidas com seus colaboradores, buscando motivá-los e fazer com que cresçam pessoal e profissionalmente.

Muitas dessas marcas implementaram ações de Endomarketing, que permitiram que seus colaboradores se sentissem mais acolhidos na organização.

Assim, uma série de benefícios para ambas as partes são gerados.

Você pode estar se perguntando quais os tipos de endomarketing? Isso dependerá muito da estratégia utilizada pela sua empresa.

Veja a seguir, alguns exemplos de endomarketing utilizados por grandes marcas e como elas implementaram suas ações:

Portobello

A Portobello é o maior parque fabril de revestimentos cerâmicos na América Latina e possui mais de 3.000 colaboradores.

Pensando em apresentar de uma melhor forma as possibilidades de crescimento para os colaboradores da empresa, a Portobello decidiu inovar.

Seu plano de carreira foi lançado no formato de gibi, ilustrando de uma forma clara e lúdica aos colaboradores como eles podem crescer profissionalmente.

Assim, além da inovação, a Portobello mostrou comprometimento com o futuro de sua equipe, além do desejo de mantê-los na organização, visto que existe a recompensa de carreira.

Entre 2010 e 2014, período inicial da ação, a produtividade da equipe aumentou 31%.

Google

A Google é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar, devido à sua preocupação com a qualidade de vida dos seus colaboradores.

Diferente do caso anterior, a empresa se destaca pela gama de benefícios e vantagens que oferece aos profissionais.

Entre esses benefícios, podemos citar academia, salas de vídeo game, mesas com jogos, licença maternidade estendida com bônus para esse tempo de afastamento, entre outros.

Aqui, você pode ver um vídeo sobre como é trabalhar no Google.

Toyota

A Toyota é uma das principais referências mundiais em comunicação interna e em programas de motivação para colaboradores.

Pensando em incluir seus mais de 5.500 colaboradores não somente nas operações do dia-a-dia, mas no setor criativo da empresa, a Toyota incentiva bastante a participação dos mesmos na geração de ideias.

Antes dos colaboradores iniciarem os trabalhos em suas áreas, cada um passa por um treinamento de 5 meses na empresa.

Nesses meses, a Toyota imerge os iniciantes em sua cultura organizacional, apresentando seus valores, conceitos, história e até mesmo o processo de criação de cada carro.

Essas ações buscam fazer com que seus colaboradores entendam e conheçam os processos da marca, o que a empresa acredita e também conheçam seu nível de qualidade.

Assim, cada colaborador, conhecendo todos os processos da empresa, sente-se mais à vontade para sugerir ideias e complementar projetos.

Como fazer Endomarketing

Para implementar um plano eficiente de endomarketing, é preciso seguir alguns passos básicos. Confira a seguir, como colocar essa estratégia em prática na sua empresa:

1. Crie um canal de comunicação interna

Existem várias plataformas no mercado que atendem esta necessidade e, independente de qual delas você escolher, o importante é ter um canal para escutar o que seu colaborador tem a dizer e também disseminar seu conteúdo, informações sobre novos lançamentos, notícias importantes, entre outros.

Estabeleça canais de comunicação bidirecional, ou seja, de mão dupla, em que cada funcionário pode dar a sua opinião e receber uma resposta. Uma boa opção é optar pela Intranet, que pode ser bastante eficaz para manter os colaboradores atualizados sobre os assuntos internos, possibilitar a abertura de chamados técnicos, entre outras ações.

Um Programa de Employee Advocacy também é uma excelente maneira de se fazer isso.

2. Dissemine a cultura organizacional

Envolva os colaboradores na cultura da empresa e mostre a eles os princípios e a visão que a empresa têm. Dessa forma, eles começarão a se identificar com a marca.

Os valores institucionais devem ser vistos pelos colaboradores como parte de si mesmos, além disso, é preciso fazer com que toda a empresa entenda a importância desses valores.

Também é muito importante conhecer seus colaboradores, o que pode ser feito através de pesquisas de perfil profissional, para entender melhor o seu posicionamento no mundo corporativo e também sua visão sobre a empresa.

3. Desenvolva iniciativas de integração

Promova momentos de relaxamento e integração entre os colaboradores, como encontros colaborativos, happy hours, grupo de estudos, atividades físicas, campanhas sociais, palestras e seminários motivacionais.

Esses eventos são importantes para manter os funcionários satisfeitos e motivados, atingindo assim um alto nível de produtividade e felicidade organizacional.

4. Reconheça seus colaboradores

Valorize o trabalho de cada profissional da organização, oferecendo oportunidades e benefícios.

Através de parcerias com outras empresas você pode oferecer um curso de idiomas, um desconto em uma academia ou ainda em restaurantes próximos da empresa.

Outras opções interessantes são um dia de folga no aniversário do colaborador, ou quem sabe um horário mais flexível.

Ações como essas, estimulam a qualidade de vida e permitem mais flexibilidade na vida pessoal, o que fará toda diferença na forma como os colaboradores enxergam a empresa.

Outra forma de reconhecimento válida também é através de premiações, assim você pode mostrar ao colaborador o valor que ele tem para a instituição e que os seus esforços são reconhecidos e compensados.

O prêmio pode vir através de uma viagem, ingressos para shows, parques ou cinema e até mesmo um certificado.

employee experience

5. Confira os resultados alcançados

A melhor maneira para conferir se suas ações de endomarketing alcançaram os resultados desejados é realizando pesquisas sobre o clima organizacional.

Avalie regularmente se as estratégias estão dando certo, através de pesquisas de satisfação com os colaboradores também.

Isso irá lhe ajudar a melhorar cada vez mais e alcançar mais rapidamente seu objetivo.

Quais são as etapas do Endomarketing?

Segundo estudos, o endomarketing possui algumas etapas e deve partir de três premissas básicas:

  • Só é possível conquistar e reter um cliente através de um excelente serviço;
  • Os colaboradores são de extrema importância para as empresas, por isso, devem ser tratados como clientes e valorizados;
  • Para garantir a excelência nos serviços oferecidos, é fundamental gerenciar os profissionais de forma a compartilharem dos objetivos e decisões da empresa.

Estas etapas indicam que o processo de envolvimento e valorização dos colaboradores, precisam ter igual ou superior importância às estratégias de marketing direcionadas ao mercado.

O mesmo estudo ainda indica que há algumas condições primordiais para que o endomarketing seja implementado com sucesso: 

  • Ele precisa ser visto como parte integrante da estratégia global;
  • Este processo requer conhecimento, informação, compromisso e apoio dos altos executivos da empresa;
  • Antes da sua implantação é preciso avaliar os pontos fortes e fracos da estrutura organizacional para compreender o seu contexto. Isso pode ser feito através de uma análise SWOT, por exemplo.

Endomarketing para transformar clientes em Defensores da sua empresa

Garanto que você já se deparou pensando em maneiras de melhorar a sua marca e alcançar seus consumidores, e nem se deu conta de que alguns de seus ativos mais importantes estavam literalmente sentados na sua frente: seus funcionários.

De uma forma ou de outra, todos os funcionários interagem diariamente com os clientes, seja de forma direta (vendas e representantes de serviço ao cliente) ou indiretamente (promotores, assistentes de atendimento, e outros que estão por trás garantido que tudo funcione perfeitamente).

E cada vez mais, os clientes estão olhando para os funcionários em busca de conhecer melhor os valores da empresa.

Em 2013 um estudo americano mostrou que o público confia mais nos funcionários do que nos departamentos de relacionamento com consumidor ou até mesmo que nos próprios CEO’s.

Então, como você pode ter certeza que seus funcionários apoiam sua marca em suas interações com os clientes?

A resposta vem em duas partes interligadas:

  1. Certifique-se de funcionários estão engajados.
  2. Treine-os para serem defensores da marca.

Os funcionários mais entusiasmados serão os mais engajados com a marca. Pesquisas da Gallup (Compania de Pesquisas de Opiniões dos Estados Unidos) mostram que as empresas com funcionários altamente engajados têm 3,9 vezes mais lucro em comparação com aqueles na mesma indústria cujos colaboradores são menos engajados com a marca.

Quer saber como implementar uma estratégia de sucesso para que seus colaboradores tornem-se Defensores da sua marca? Saiba tudo em nosso artigo:

👉 Employee Advocacy: você sabe o que é?

Um bom programa de treinamento de endomarketing para defensores deve incluir cinco etapas:

1. Conteúdo claro e facilmente acessível

Durante uma nova contratação, não se esqueça de apresentar ao colaborador uma visão geral de empresa, bem como seus valores e sua cultura.

Em seguida, use uma plataforma de conteúdo de fácil acesso para que todos os funcionários possam acessar sempre essas informações.

Aposte no Endomarketing!

2. Ferramentas para o sucesso

É possível apostar em determinadas ações para engajar os colaboradores com a marca a fim de a promoverem. Aqui vão algumas sugestões:

  • Hashtags, como #PreparaPraMim sucesso da Hellmann’s.
  • Eventos em que os funcionários podem participar em branding, formação e aprendizagem da história da empresa, como o evento do Dia do Fundador McDonald’s.
  • Relembrar “ganhos” da marca, que fazem com que os colaboradores sintam que estão “vivendo” a empresa e contribuindo com ela.

Estes pontos podem ser destacadas durante um treinamento, uma nova contratação e de tempos em tempos, é importante que sejam relembrados e transmitidos novamente aos colaboradores.

3. Capacitação de funcionários

Mostre o interesse da marca em capacitar seus funcionários, valorizar seus interesses pessoais, e a importância de seu crescimento pessoal e profissional para a empresa.

Uma pesquisa da Universidade de Cornell revela que os funcionários que podem ser seus “autênticos melhores eus” são mais produtivos e mais propensos a permanecerem na organização.

Além disso, os colaboradores com um bom entendimento sobre suas habilidades e os valores da marca, estão mais preparados para usar essas habilidades e se tornarem defensores da marca.

Faça um treinamento para ajudar os funcionários a identificar primeiro sua própria marca pessoal.

Nele realize perguntas como: “o que permite que você faça o seu trabalho melhor?”, e “o que faz você se sentir orgulhoso de trabalhar nesta empresa?”.

4. Usando as redes sociais para formar embaixadores

Hoje, grande parte da interação das marcas com seus clientes ocorre no meio online, via Twitter, Facebook, Instagram, entre outras redes sociais.

Preparar os funcionários para se tornarem embaixadores da marca através da mídia social, é uma ótima maneira de conseguir espalhar sua mensagem de forma assertiva.

O principal fator a ser considerado neste momento, é a forma de comunicar, fornecer orientações claras aos funcionários, garantir que eles se sintam confortáveis, em seguida, dar-lhes espaço e confiança para promoverem a marca de uma forma autêntica e benéfica para a organização.

5. Pesquisas após transformar funcionários em Defensores da Marca

Sempre haverá alguns funcionários que são mais engajados com a marca do que outros, por isso, certifique-se que você está colocando o esforço correto para descobrir quem são os embaixadores mais engajados.

Você pode destacar as realizações deles para a empresa como um todo, e também fazer pesquisas para descobrir quem está interessado em assumir realmente a posição de embaixador da marca.

Seus funcionários são um excelente recurso para aumentar a reputação da marca.

Afinal de contas, eles já estão comprometidos com a empresa e já conhecem seus objetivos.

Aumente esse compromisso e conhecimento através de um programa de embaixadores da marca, e você terá colaboradores dispostos a espalhar sua mensagem, além de tornarem-se mais motivados e engajados com a empresa.

Como ter sucesso com Endormarketing

Tenha dedicação e persistência, lembre-se que as ações de endomarketing não podem ser usadas somente no momento em que a empresa passa por uma dificuldade. O planejamento de endomarketing deve ser elaborado a partir dos valores da organização e deve ser muito bem estruturado para alcançar seu objetivo.

Ao comunicar corretamente os valores da sua empresa, motivar seus funcionários e estabelecer ações que estimulem o sentimento de pertencimento à organização, você estará transformando-os em fãs da sua marca, também conhecidos como brand lovers.

E, lembre-se: seus funcionários e seus clientes são os melhores porta-vozes que uma empresa pode ter.

Pensando em te ajudar a ter uma visão prática de ações de Endomarketing para sua empresa, listamos a seguir 8 ideias para você:

1 – Faça pesquisas de clima organizacional

O primeiro passo antes de estruturar as próximas ações, é lançar uma Pesquisa de Clima Organizacional.

Ela gerará ótimos insights para as demais ações de Endomarketing.

Os resultados que você pode esperar com essa pesquisa são:

  • O perfil das equipes, de acordo com suas preferências e hábitos.
  • Entender o nível de satisfação dos colaboradores;
  • Saber como melhorar o ambiente de trabalho;
  • Identificar problemas de relacionamento que podem estar prejudicando o trabalho em equipe;
  • Entender se os colaboradores se encaixam com a cultura da empresa.

A partir do resultado da pesquisa, as demais estratégias de Endomarketing podem ser melhor pensadas e planejadas.

É importante tornar as rodadas de pesquisa um hábito, seja semestral ou anual, por exemplo, para que os resultados possam ser melhor acompanhados e comparados.

2 – Divulgação de plano de carreira

Colaboradores engajados e defensores da sua marca desejam crescer na empresa, pode ter certeza.

Eles nutrem um forte sentimento de entrega, por isso, é fundamental que o Endomarketing construa planos de carreira para os diversos níveis hierárquicos.

Quando isso é oferecido aos colaboradores, espera-se que a produtividade e a motivação deles aumente significativamente.

Através de gibis, e com uma linguagem mais lúdica, simples e interativa, a Portobello criou uma estratégia para apresentar de que maneira um colaborador poderia evoluir dentro da empresa.

Uma metodologia simples, barata e divertida que conseguiu transformar o clima da organização, e ainda foi capaz de mostrar que a marca se preocupa com o bem-estar e com a carreira de cada profissional.

3 – Conteúdos de Recursos Humanos

O RH da sua empresa é um dos setores que mais possui informações a serem divulgadas internamente. 

Essas informações podem ser desde materiais relacionados à produtividade, dicas de bem-estar para o ambiente de trabalho, informativos institucionais, datas comemorativas, entre outras.

A gama de conteúdos é enorme, mas precisamos levar em conta a realidade de cada empresa e do próprio departamento de Recursos Humanos.

Além de ser responsável por diversas ações com as equipes, o departamento é um importante ponto de contato do colaborador com a empresa.

4 – Reconhecimento dos Colaboradores

Uma boa prática para promover o reconhecimento dos colaboradores é exibir, de alguma forma, seus feitos, seja por televisão, banners, e-mails ou na comunidade online da sua marca, caso possua uma. 

Esta é também uma forma positiva de influenciar o comportamento dos outros funcionários através de bons exemplos.

E com este objetivo em mente, as possibilidades são diversas. 

Veja também: Comunidade online — 10 passos para construir uma para sua empresa

5 – Eventos de Integração

Algo que vem ganhando bastante força nas empresas são os eventos corporativos, realizados para promover a integração dos colaboradores.

Dentre os principais benefícios da realização de eventos internos, alguns deles são:

  • Unir equipes de departamentos diferentes;
  • Criar uma relação mais próxima entre gestores e colaboradores;
  • Realizar treinamentos e capacitações;
  • Reunir os colaboradores em torno de assuntos em comum;
  • Demonstrar o compromisso da empresa com a valorização pessoal e profissional de cada funcionário;
  • Proporcionar maior comunicação e alinhamento entre as equipes;
  • Redução dos índices de rotatividade de funcionários.

Os eventos internos ajudam a criar um ambiente de trabalho cada vez mais conectado. 

Eventos de integração tornam os colaboradores mais produtivos e motivados, uma vez que a empresa também mostra que está buscando melhorar e aperfeiçoar o ambiente de trabalho.

Funcionários motivados e satisfeitos tendem a elogiar e a disseminar os pontos positivos da empresa pelo mercado, tornando-se assim defensores da marca, atraindo novos clientes e mais profissionais qualificados com interesse em fazer parte da empresa.

6 – Ações de cunho social

Projetos sociais e ações de responsabilidade social são primordiais em uma empresa, pois representam uma maneira muito positiva da marca atuar no desenvolvimento e na melhoria da sociedade como um todo.

É preciso incorporar ações e projetos sociais no dia a dia da instituição, trabalhando, inclusive, para a melhoria da qualidade de vida dos próprios colaboradores.

Uma empresa que aposta no marketing social e trabalha de maneira ética e transparente, garante mais destaque no mercado, visto que a importância disso nos dias de hoje é muito grande e o público está cada vez mais engajado com as causas sociais.

Além disso, hoje em dia, todos têm fácil acesso aos dados das corporações e podem até criar seu próprio conteúdo na internet, sendo a favor ou contra as marcas. 

Isso pode ter um alcance impressionante em questão de minutos e influenciar muita gente, tanto positiva quanto negativamente. Por isso, se posicione como uma marca humanizada e notará a diferença!

7 – Programa de Employee Advocacy

Quando a empresa consegue engajar seus colaboradores e disseminar sua cultura, fica muito mais fácil de mantê-los satisfeitos, motivados e encantados a ponto de quererem compartilhar com os clientes, amigos e conhecidos seu amor pela marca.

O engajamento dos colaboradores resulta em ações de promoção da marca, e a isso chamamos de Employee Advocacy.

Para que o Employee Advocacy aconteça é preciso, em primeiro lugar, que os funcionários se sintam motivados para agir como defensores da marca.

Isso requer o desenvolvimento de um ambiente e uma cultura interna que  permitam o crescimento dessa estratégia.

Essa cultura deve ser construída através de confiança, liberdade e transparência.

A confiança irá motivar o engajamento dos colaboradores. É essencial ter confiança em seus funcionários e acreditar na sua capacidade de atuarem como defensores da marca através das redes sociais. Eles precisam sentir que a empresa confia no papel que eles vão exercer, como sendo  porta-vozes que irão espalhar a mensagem da marca.

Além disso, é preciso oferecer transparência e liberdade ao colaborador para ele sentir-se à vontade para defender a marca.

8 – Treinamentos e capacitações

Treinamentos e capacitações são ações que valorizam os colaboradores e fazem com que eles contribuam para melhorias na empresa.

Além do ganho de conhecimento, promove-se a integração entre os diversos setores. 

Por isso, programe periodicamente treinamentos e capacitações para seus colaboradores.

Como criar um Programa de Employee Advocacy

O ideal é começar pequeno, com um grupo de funcionários mais apaixonados pela empresa que sejam naturalmente ativos em suas redes sociais.

Escolha uma pessoa para ser o “dono” do programa dentro da empresa.

Essa pessoa deverá liderar e gerenciar, apresentando as diretrizes do programa e educando os colaboradores sobre as melhores práticas de promoção.

Dentro do programa de Employee Advocacy, serão escolhidos os conteúdos que os colaboradores devem compartilhar, se desejarem.

Para cada conteúdo compartilhado, é importante atribuir uma pontuação e utilizar para gerar gamificação e recompensar os funcionários mais engajados.

As redes sociais são o meio mais comum para que seus funcionários defendam a marca, mas lembre-se também de promover ações offline, como participar de eventos da empresa, encontros entre colaboradores, etc.

Um bom programa de Employee Advocacy deve oferecer valor aos colaboradores e motivá-los a serem defensores da empresa onde quer que seja.

O ideal é que a empresa tenha uma solução específica para o Programa, que ofereça atividades fáceis, permita o compartilhamento dos conteúdos em apenas um clique e que estimule os Defensores através da gamificação e de recompensas. 

No Brasil, uma excelente opção de plataforma para isso  é a Peepi. Conheça a nossa solução para a sua empresa e Solicite uma demonstração!


Planejar uma estratégia consistente e executar ações de Endomarketing atraentes, que gerem o engajamento de seus colaboradores e os coloque em primeiro lugar, proporciona uma série de vantagens competitivas para sua marca.

Indo além do reconhecimento como boa marca empregadora, você irá estimular a paixão dos colaboradores por sua marca e isso chegará aos olhos e ouvidos de seus clientes e potenciais clientes.

Teste grátis a plataforma da Peepi e conheça de perto nossa solução!